>> Esqueceu sua senha?

Consultas rotineiras ao urologista ajudam a rastrear câncer de próstata e outras doenças

Categoria: Bem Estar
Postado em: 21/08/2014 às 18:10
Fonte: minhavida.com.br

De maneira geral, a ida ao urologista está condicionada ao surgimento de sintomas até a idade adulta. A maioria das Sociedades Médicas aponta que o rastreamento do câncer de próstata deve ser realizado após os 50 anos de idade na população em geral e aos 45 anos em homens com fatores de risco associados, como histórico familiar do câncer de próstata e em pacientes da raça negra, onde o câncer pode ser mais precoce e agressivo. 

Apesar de não existir recomendações diretas é comum a ida de pacientes ao urologista antes do início da atividade sexual. Muitos destes adolescentes buscam informações sobre as questões ligadas a atividade sexual, e neste momento se faz importante, pela consulta com o urologista, a introdução sobre conceitos ligados aos cuidados de saúde e prevenções de doenças sexualmente transmissíveis. Outra época onde é comum a busca ao urologista é para a realização de exames pré-nupciais, que incluem normalmente o espermograma e rastreamento de DSTs

 
 

O urologista deve se colocar como um profissional com contato direto com a população masculina e desta forma orientá-lo na realização de exames preventivos, mesmo aqueles não relacionados aos sintomas urogenitais, orientando inclusive a ida a outros profissionais quando necessário. Também é importante ter em mente que alguns sintomas urológicos, como por exemplo, a disfunção erétil pode ser o reflexo de condições sistêmicas, como a hipertensão, insuficiência renal ou diabetes e devem ser pesquisados com rigor. 

Os avanços da medicina podem ser considerados significativos, entretanto, só podem favorecer os homens que visitam regularmente os médicos com periodicidade, antes de estarem sentindo que a saúde está comprometida. O primeiro passo é a prevenção de qualquer tipo de doença. O urologista é o profissional médico capacitado a lidar com as questões masculinas em todas as faixas etárias e pode ser considerado o médico do homem, em comparação ao ginecologista com relação à mulher.


Últimas notícias da Categoria "Bem Estar"

Google quer criar o mapa genético do humano.

O próximo grande projeto do Google tem a ver com genética. O laboratório Google X, que realiza as pesquisas mais ambiciosas e arriscadas da empresa, como o Google Glass, o carro autônomo e os balões de internet, agora inicia o “Baseline Study”, uma aposta

Comer menos não resolve questões emocionais da obesidade, diz psiquiatra

Problema deve ser tratado mais a fundo para evitar complicações futuras

Hipotireoidismo e gravidez

As alterações da tireoide para mais ( Hipertireoidismo) e para menos ( Hipotireoidismo) podem ter influência em diversas partes do organismo. Um hipotireoidismo não tratado, por exemplo, pode levar a um aumento de peso e dificuldade de perdê-lo, mesmo com

Internet pode causar problemas de saúde em jovens

Uma pesquisa realizada pela Faculdade de Medicina da Universidade Case Western Reserve constatou que adolescentes que passam mais de três horas conectados à internet ou trocando mensagens de texto estão mais propensos a terem problemas de saúde.

Anticorpos detém o mortal vírus Ebola em primatas Tratamento combinado de anticorpos e proteínas evitou a morte de primatas contaminados com Ebola-Zaire

Por Jo Adetunji e The Conversation Nota do Editor: O ensaio a seguir foi republicado com permissão de The Conversation, uma publicação online que cobre as pesquisas mais recentes. Em se tratando de vírus, o Ebola desperta um medo bem especial.

PARCEIROS

Contato
contato@profetasdebermuda.com.br
Desenvolvido por
Mega Design